Central de atendimento

(11) 3034-5598 (11) 2478-2074 (11) 2478-1146

(11) 2478-1641

UNIDADE BELENZINHO

(11) 2676-2325

CENTRAL ADMINISTRATIVA

(11) 2478-1641

UNIDADE SHOPPING WESTPLAZA

(11) 2476-0599

Stan Lee

Postado em 03 de junho de 2019

por R.M.Catellani e Ricardo N. Vegas

O Universo Marvel deu ao mundo através das Criações de Stan Lee um grande legado de magia e paixão com seus super-heróis imbatíveis.
Nascido Stanley Martin Lieber, Stan pensou em usar seu nome abreviado pois tencionava usar o nome de batismo para seus futura obra” O Grande Romance Americano” que nunca aconteceu. Mas desenhar, era sua segunda pele, na veia natural de escritor. Na década de 1950 ainda jovem aos 17 anos entrou como assistente da Timely Comics; editora de História em quadrinhos, em funções menores mas logo se tornou roteirista junto ao artista Jack Kirby e o editor Joe Simon. Na Segunda Guerra Mundial trabalhou para Astoria na divisão de cinema escrevendo roteiro de filmes de treinamento e manuais de instrução, criando um famoso cartum do “soldado cuidadoso” sobre prevenção: doenças da guerra. Após a guerra continuou na Tymely substituindo Joe como editor, diretor de Arte e roteirista-chefe! Ainda um adolescente Stan Lee já era genial!

O fenômeno “Quadrinhos”, se formos nos aprofundar, é a primeira comunicação do homem das cavernas que surgiu a cerca de 40.000 anos! Mas sempre foi uma paixão dos aficionados! Stan era um “fanboy” desde sempre! Já tinha seus ídolos como o Capitão América produzidos por Joe e Jack, os primeiros a lhe dar emprego na Editora Tymely; Stan estava no caminho certo!
Durante a Segunda Guerra Mundial, os quadrinhos de super-heróis foram muito apreciados como influência ao imaginário das crianças e jovens de todo o mundo ocidental. No período de 1940-45 foram criados vários super-heróis, tornando esse um tema sociológico e de comunicação em massa. Os quadrinhos também se tornaram um artifício ideológico para elevar o moral das tropas no front como os populares super-heróis Namor e Capitão América, pela arte de Kirby. Os super-heróis lutaram ao lado dos soldados contra o nazismo, mas perderam a popularidade ao término da guerra. As editoras americanas começaram então a publicar histórias de humor, romances, terror e ficção científica. Alguns temas foram desenvolvendo temática mais adultas, enfatizando violência e sensualidade. Em meados dos anos 50, reações de vários segmentos exigiram um maior controle sobre o que era publicado, surge então o Comics Code Authority que vai classificar e censurar esse conteúdo. Essas restrições cercearam muito a criatividade artística da chamada “nona arte”.
É nesse contexto que surge Stan Lee e Jack Kirby. Foi em 1960 que Stan Lee deu a virada em sua vida quando decidiu criar seus próprios personagens com muito humor e genialidade baseado em fatos simples. A dupla, na década de 1960, revolucionou o conceito dos super-heróis com o Quarteto Fantástico, que, de forma descontraída, integravam um grupo onde interagiam de maneira “mais humana” e divertida, com brigas internas, conflitos de personalidade e trabalho em grupo.

Os heróis mais humanizados e falíveis ganharam poderes através de radiação cósmica, com a qual teriam entrado em contato. Aproveitando a temática da ficção científica em crescente vigência devido à disputa pela conquista espacial e a corrida armamentista entre União Soviética e Estados Unidos, Stan inovou principalmente em associar social e psicologicamente seus heróis com o público alvo, predominantemente adolescentes. Com trama psicológica, drama humano, ação dinâmica, humor e temáticas mais contemporâneas, criaram uma identificação maior entre os dois segmentos. Esse foi uma das grandes “sacadas”
de Stan Lee! Outros personagens vieram depois no decorrer dos anos.
1962: Podemos citar alguns mais famosos como o Incrível Hulk, personagem que se torna um grande monstro verde, muito temido por seu aspecto e força, mas que sempre acaba agindo para o bem. Homem Aranha, um adolescente franzino com questões psicológicas típicas de sua idade; era um jovem estudante do segundo grau, com problemas amorosos, familiares e financeiros como todo adolescente normal, quando uma picada de aranha radioativa produziu mutação genética dando-lhe poderes que usa para o bem (desenho de Steve Ditko).
Homem de Ferro, um cientista e empresário que cria armaduras com muitos poderes usada por ele para defender a pátria na guerra fria das grandes potências.
Os X-Men; equipe de super-heróis de humanos mutantes nascidos com habilidades
super-humanas considerados uma ameaça.
Surgiram posteriormente ao Quarteto Fantástico, o grupo de super heróis intitulados “ Os Vingadores”em 1964, quando Stan Lee reviveu o Capitão América ao revelar que ele tinha caído de um avião experimental no Atlântico Norte nos últimos dias da
guerra e que passou as últimas décadas congelado, num estado de morte aparente
(animação suspensa). O herói ressurgiu com uma nova geração de leitores como o líder deste grupo!

O Roteiro: Como tecido e tessitura o bom roteiro e o bom desenho sempre devem andar juntos para cair no gosto do público; a estes fatores a Marvel sempre se ateve com sucesso! Idéias sempre novas e criativas, refletindo o mundo atual para os
roteiros em série, é a receita para manter o interesse dos leitores.O DESENHO de qualidade é fundamental para a transmissão das idéias nos quadrinhos e Stan Lee teve a seu serviço grandes Artistas como Jack Kirby: O mestre e grande parceiro, Steeve Ditko: O gênio sem igual, John Romita: O melhor, John Buscema: “O Michelangelo”, entre tantos outros desenhistas geniais que continuam abrilhantando cada vez mais a Marvel! Nós da Escola RecriArte seguimos os passos dos mestres! A Marvel Comics e a Marvel Films, hoje uma super potência na área, e seus filmes são um fenômeno de venda e bilheteria! A saga “ Vingadores” foi iniciada em 2012 com as séries “ The Avengers” Guerra Infinita – Guerra de Ulton 2015 e “ Os Vingadores”- O Ultimato- que estreou este ano em 26/04/2019 nas telonas do Brasil!
E como dizemos nos que amamos esta Arte:
“Isso é só o começo de uma nova série….
Aguardem novos artigos sobre
HISTÓRIA EM QUADRINHOS!